Fio de Ariadne

LIMITE

“Até a virtude precisa de limites.”

(Montesquieu)

Na matemática, a palavra LIMITE é usada para descrever o comportamento de uma função à medida que seu argumento aproxima-se de um determinado valor.

Podemos pensar na mesma palavra para designar uma questão financeira/econômica. O LIMITE de uma conta bancária, de um financiamento, de uma dívida ou seja, até onde pode-se chegar para a composição de comprometimentos financeiros da pessoa física ou jurídica.

A mesma palavra LIMITE serve também para descrever comportamentos, como em atividades físicas por exemplo. A pessoa tem um limite de esforço e desempenho físico, que podem ser superados até uma determinada etapa.

Nas relações sociais acontece a mesma coisa em relação aos LIMITES. Sem dúvida, historicamente houve uma modernização nas relações. Os LIMITES foram superados, e o que era palavra de ordem passou a ser ultrapassado.

O que temos então?

Parece que a ordem atual é: SEM LIMITES.

A sociedade parece perdida em conceitos de civilidade e de coletividade. Todos querem ter seus direitos garantidos, nem que seja à força, ultrapassando os LIMITES da boa educação e da convivência.

O Eu prevalece com argumentos empobrecidos. O mesmo “eu” ultrapassou o LIMITE do “nós”.

E pela falta de LIMITES, há o esquecimento básico de que os direitos andam de mãos dadas com os deveres.

Se há um direito sequer a ser reivindicado, junto a ele há um dever.

Este é o LIMITE.

Cabe à família como primeiro agente socializador fazer o seu papel de ensinar os LIMITES de direitos e deveres às suas crianças.

Temos visto com frequência crianças ansiosas, sem perspectivas, com auto estima e criatividade comprometidas por conta de não saberem até onde podem ir. Quais são os seus LIMITES e os do outro.

LIMITE não é sinônimo de proibir. LIMITE é saber onde se quer ir e o que fazer para se chegar lá.

Não se pode fazer um simples bolo se faltam os ingredientes básicos, e mesmo assim, é fundamental o respeito do passo a passo para a realização do mesmo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s