Fio de Ariadne

QUEM PLANTA COLHE – DO VÍCIO À VIRTUDE

Costumava guardar em potes, toda e qualquer semente de frutas consumidas pela família e nas viagens que fazíamos pelo interior do estado, parávamos no acostamento ou jogávamos pela janela do carro as sementes armazenadas. Fizemos disto um hábito que repetíamos intuitivamente.

Acreditava que ensinava nossas filhas o entendimento e respeito à natureza e os processos contidos nela, como o ciclo da vida. Jogávamos as sementes que lá ficavam… Se germinaram ou não, nunca soubemos. O problema não era mais nosso.

Hoje, já consigo entender um pouco melhor toda esta dinâmica. Sei que em uma simples semente há uma POTÊNCIA. Toda semente tem a capacidade de vir a ser uma árvore. Mas, para tanto são necessárias condições favoráveis.

Tantas vezes nos perguntamos o porque das ocorrências e conseqüências em nossas vidas. Não entendemos e então lamentamos, sentimo-nos injustiçados e desamparados pela vida. As lamentações continuam…o tempo passa, e os padrões vão se formando e se calcificando. E nos esquecemos a semente jogada, que lá ficou.

Pergunta-se:

Será que a semente foi jogada em terra fértil? Quais as condições do tempo? As condições eram favoráveis para quê? Havia um real desejo para que a semente germinasse, ou o quê?

Para encontrar estas e tantas outras respostas, o que não é fácil mas também não impossível, é preciso que comecemos a transformar nossos vícios em virtudes. E a primeira delas é a CORAGEM. Coragem para perguntar antes de mais nada o que se quer colher, e depois jogar as sementes adequadas na estrada da própria vida.

Maria do Carmo M. de Barros Torres é Psicóloga e Educadora.

Um comentário em “QUEM PLANTA COLHE – DO VÍCIO À VIRTUDE”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s